O JornalDentistry em 2017-10-18

OUTROS

Mais qualidade de vida e menos dores na região lombar são alguns dos benefícios visíveis do Pilates

O pilates pode ser uma ferramenta essencial para a diminuição da dor, sobretudo na região lombar. Elsa Alvelos, professora de pilates, explica-nos como pode a prática regular do pilates ser benéfica para os profissionais de saúde oral

Elsa Alvelos, professora de pilates,

O JornalDentistry – Quais os benefícios do pilates a nível físico? 

Elsa Alvelos - Um dos benefícios do pilates passa pela melhoria da postura. Em pilates, há um grande trabalho de respiração, alongamento de todos os músculos, realinhamento dos membros inferiores, e superiores e alinhamento de toda a coluna. Os praticantes de pilates adquirem uma grande noção do seu corpo, ou melhoram-na. O fortalecimento muscular geral, capacidade de dissociar algumas articulações ou partes do corpo e o controlo do corpo são alguns dos benefícios a nível físico e funcional. 

O JornalDentistry – Costuma receber médicos dentistas? Quais as suas principais queixas? 

Elsa Alvelos -Tenho alguns clientes médicos dentistas. As suas princi- pais queixas prendem-se com tensão cervical, tendinites, rigidez articular, contraturas, bem como dores lombares. 

As posições pouco ergonómicas que adotam e o tempo que aí permanecem tendem a enfraquecer e a provocar tensões em todo o sistema. 

Como pode o pilates ajudar os médicos dentistas a terem uma melhor postura e a sofrerem menos com a dor lombar? Em pilates, o correto uso da respiração, o fortalecimento da região abdominal, o controlo do centro e o alonga- mento axial, são os grandes pilares para um bom suporte da coluna. Com alguma disciplina, e uma prática regular de pilates, é possível adquirir maior estabilidade e mobilidade 

da cintura escapular e da cintura pélvica, assim como uma maior funcionalidade dinâmica de todo o corpo. Mais quali- dade de vida, menos dores, principalmente na região lom- bar, são alguns dos benefícios visíveis do pilates. 

O JornalDentistry – Que dicas gostaria de deixar aos médicos dentistas para que estes consigam minimizar estes problemas? 

Elsa Alvelos  - Espreguiçar, alongar e fazer respirações profundas ajuda a libertar tensões acumuladas ao longo do dia. No entanto, investir algum do seu tempo no bem mais precioso, o seu corpo, é fundamental. Através da prática de pilates haverá um excelente retorno – mais saúde, mais qualidade de vida e menos dores. O maior conselho que deixo aos médicos dentistas é que experimentem uma aula de pilates e que pratiquem pelo menos durante um mês. Voltem ao vosso consultório e observem o vosso corpo. 


 

Recomendado pelos leitores

Cibersegurança: sete previsões para o segundo semestre de 2018
OUTROS

Cibersegurança: sete previsões para o segundo semestre de 2018

LER MAIS

Modificações de Trojans móveis bancários atingem recorde histórico
OUTROS

Modificações de Trojans móveis bancários atingem recorde histórico

LER MAIS

Translate:

OJD 54 SETEMBRO de 2018

OJD 54 SETEMBRO de 2018

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.