O JornalDentistry em 2018-2-15

CLÍNICA

Materiais adesivos desenvolvidos para evitar as manchas nos dentes provocadas pelos brackets

Pesquisadores de Valência (Espanha), Londres (Inglaterra) e Rio Grande doSul (Brasil) realizaram pesquisas para desenvolver materiais adesivos que evitarão que as manchas brancas apareçam nos dentes de pessoas que usam brackets.

As manchas brancas que os brackets geralmente deixam nos dentes são resultado da desmineralização do esmalte causada pela proliferação bacteriana na área adesiva, especialmente quando a higiene oral é inadequada. 

Pesquisadores do Departamento de Medicina dentária da Universidade CEU Cardenal Herrera de Valência, em colaboração com o King's College London Dental Institute e a Universidade Federal do Rio Grande do Sul (Brasil), compararam a eficácia de três novos tipos de adesivos experimentais, com propriedades de remineralização do esmalte e 

A pesquisa dos professores de Medicina dentária do CEU UCH, Salvatore Sauro e Santiago Arias, em colaboração com a Universidade Federal do Rio Grande do Sul e com o King's College London Dental Institute , onde Salvatore Sauro é professor honorário, foi publicado na Revista de Odontologia 

 

Propriedades bactericidas e de remineralização 

O estudo compara três adesivos dentários experimentais que contêm um nano mineral bioativo chamado halloysite (agila de aluminossilicato ) e cujos nanotubos foram carregados com triclosan, um agente antibacteriano e fungicida forte em diferentes concentrações: 5, 10 e 20 por cento. A pesquisa compara as três novas propriedades de polimerização dos biomateriais experimentais, a resistência antibacteriana e as propriedades bioativas, que não só impedem a desmineralização dos dentes, como também promovem a remineralização. 

Os três materiais experimentais testados no laboratório demonstraram a capacidade de parar a proliferação bacteriana nas 24 horas seguintes ao seu uso, mas apenas aquele com maior concentração de triclosan, em 20 por cento, manteve essa propriedade após 72 horas. No que diz respeito ao efeito remineralização, os três materiais testados provaram ser efetivos duas semanas após o uso em amostras de esmalte dental submersas em saliva experimental.

Estes resultados são um passo promissor no desenvolvimento de novos adesivos que são capazes de prevenir a existência das bactérias que desmineralizam o esmalte que envolve os suportes e, ao mesmo tempo, reestruturam a área e, assim, evitam a aparência de manchas brancas nos dentes. 

Mais informações sobre “Polymerisation, antibacterial and bioactivity properties of experimental orthodontic adhesives containing triclosan-loaded halloysite nanotubes” publicados no Journal of Dentistry, podem ser encontrados em ScienceDirect e PubMed. 

 

Fontes:   ScienceDaily / Asociación RUVID. / CEU UCH

 

Artigo original:  ”Adhesives developed to prevent bracket stains on teeth”

 

Recomendado pelos leitores

Tratamento Invisalign® num paciente adulto com periodontite: caso clínico
CLÍNICA

Tratamento Invisalign® num paciente adulto com periodontite: caso clínico

LER MAIS

Reabilitação total implanto-suportada superior: carga e estética imediatas - Caso clínico
CLÍNICA

Reabilitação total implanto-suportada superior: carga e estética imediatas - Caso clínico

LER MAIS

Translate:

OJD 52 JUNHO de 2018

OJD 52 JUNHO de 2018

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.