JornalDentistry em 2024-6-07

TENDÊNCIAS

A essencialidade dos processos na organização de uma empresa de saúde

É inevitável reconhecer que os processos não devem estar atrelados às contingências, nem de acordo com as circunstâncias ou factos do momento.

Oestado de espírito ou humor não podem reger o dia-a- -dia numa empresa. Isso entra visivelmente em conflito com as boas práticas que devem ser adotadas.
Fazer às vezes? Não! Fazer sempre.
Processos devem ser prioridades, devem ser claros e com- preensíveis para todos os envolvidos, com existência diária e independente de qualquer fator imprevisto.
As rotinas, que podemos considerar como sinónimas de processos, fazem-nos despender menos energia. Ao contrário, quando não as temos, o improviso passa a ser o padrão de atuação.
A partir deste ponto, reconhecidamente, as dificuldades de administrar são agravadas.
Também se torna evidente que a disciplina é fundamental para garantir o cumprimento dos processos, deve ser parte integrante da cultura organizacional. Particularmente, atribuo a minha disciplina ao desporto. Tive a oportunidade de fazer a graduação, antes da medicina dentária, em Educação Física. A minha atividade no voleibol, como treinador e pre- parador físico, ensinaram-me muitas coisas.
Aprender a vencer e, principalmente, entender as derrotas. Saber que uma substituição num jogo pode ser a conse- quência de falhas e que alguém melhor no momento pode fazer a diferença.
Saber que ao lesionar-se, ou não obedecer às normas, a consequência é ficar de fora e não participar.
Ter a noção de que as críticas são necessárias para o cres- cimento. Com elas aprende-se a ouvir, admitir e reconhecer. Mudar passa a ser o paradigma.
O desporto de alto rendimento tem processos. São claros e incontestáveis.
Uma sugestão é que tenhamos registos detalhados de todos os processos, de tal forma evidentes, que possam fazer parte da prática diária. Sem sofrimento.
Documentar a sequência das atividades rotineiras, à primeira vista, parece desnecessário, mas simplifica o dia-a-dia.
A noção exata de como e porquê agir impulsiona a nossa empresa rumo à excelência operacional.
Reflitam sobre isso.


 

Dr. Celso Orth — Graduado em Medicina Dentária - UFRGS; MBA em Gestão Empresarial - Fundação Getulio Vargas; Educador Físico - IPARS; Membro Fundador da Academia Brasileira de Odontologia Estética; Membro Honorário da Sociedade Brasileira de Odontologia Estética; Palestrante de Gestão na Prestação de Serviços na área da saúde; Reabilitador que trabalha em tempo integral na Clínica Orth - Rio Grande do Sul - Brasil. Para enviar questões e solicitar esclarecimentos: celsoantonioorth@gmail.com

 

Recomendado pelos leitores

A robótica na medicina dentária
TENDÊNCIAS

A robótica na medicina dentária

LER MAIS

Utilização atual e futura da IA em imagiologia na medicina dentária.
TENDÊNCIAS

Utilização atual e futura da IA em imagiologia na medicina dentária.

LER MAIS

Translate:

OJD 117 MAIO 2024

OJD 117 MAIO 2024

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.