O JornalDentistry em 2021-5-29

ARTIGOS

A perda de dentes pode afetar a capacidade funcional nos idosos

Os idosos com dentes mais naturais são mais capazes de realizar tarefas do dia-a-dia, como cozinhar , fazer chamadas telefónicas ou ir às compras, de acordo com investigadores da UCL e da Universidade Médica e Dentária de Tóquio.

 

O estudo publicado no Journal of American Geriatrics Society analisou dados de 5.631 adultos do “English Longitudinal Study of Aging (ELSA)” com idades compreendidas entre os 50 e os 70 anos.

Estudos anteriores mostraram a ligação entre a perda de dentes e a capacidade funcional reduzida, mas não estabeleceram um nexo de causalidade. Neste estudo, a equipa de investigação quis investigar o efeito causal da perda de dentes na capacidade de alguém realizar atividades do dia a dia. Depois de considerarem fatores como o estatuto socioeconómico dos participantes e a má saúde geral, ainda descobriram que havia uma ligação independente entre a perda de dentes e a capacidade de realizar tarefas diárias.

Para o estudo, os participantes foram questionados sobre quantos dentes naturais tinham, com os idosos a terem geralmente até 32 dentes naturais que se perdem ao longo do tempo. Depois, utilizando dados recolhidos entre 2014 e 2015, os investigadores mediram o efeito da perda de dentes na capacidade das pessoas para realizarem atividades instrumentais fundamentais do quotidiano (IADL). As atividades incluíram a preparação de uma refeição quente, compras, fazer chamadas telefónicas, tomar medicamentos, fazer trabalho em casa ou jardim, ou gerir dinheiro.

O autor sénior, o Professor Georgios Tsakos (Instituto de Epidemiologia e Saúde da UCL), explicou: "Sabemos de estudos anteriores que a perda de dentes está associada à redução da capacidade funcional, mas este estudo é o primeiro a fornecer evidências sobre o efeito causal da perda de dentes nas atividades instrumentais do quotidiano (IADL) entre os idosos em Inglaterra. E este efeito é considerável.

"Por exemplo, os idosos com 10 dentes naturais têm 30% mais probabilidades de ter dificuldades com atividades-chave do dia-a-dia, como fazer compras ou trabalhar em casa ou jardim em comparação com aqueles com 20 dentes naturais.

"Mesmo depois de ter tomado em fatores como a qualificação de educação dos participantes, a saúde auto avaliada e o nível de educação dos seus pais, por exemplo, ainda encontramos uma associação positiva entre o número de dentes naturais que uma pessoa tinha e a sua capacidade funcional."

A equipa de investigadores nota que ter dentes mais naturais está associado ao atraso do início da incapacidade e da morte e que a perda de dentes também pode dificultar as interações sociais, e  que está ligada a uma qualidade de vida mais pobre. Também sugerem que a perda de dentes pode estar ligada a ter uma dieta mais pobre com menos nutrientes.

Os investigadores dizem que os resultados devem ser interpretados com cautela devido ao design complexo e são necessários mais estudos para investigar a relação casual entre a perda de dentes e a capacidade funcional.

O primeiro autor, o Dr. Yusuke Matsuyama (Universidade Médica e Dentária de Tóquio) disse: "Prevenir a perda de dentes é importante para manter a capacidade funcional entre os idosos. Dada a elevada prevalência da perda de dentes, este efeito é considerável e manter uma boa saúde oral ao longo do curso de vida pode ser uma estratégia para prevenir ou atrasar a perda de competência funcional.

"O ganho de saúde com a retenção dos dentes naturais pode não se limitar aos resultados da saúde oral, mas tem uma maior relevância para a promoção da capacidade funcional e para a melhoria da qualidade de vida geral."

 

Fonte: Medicalpress/University College London

"Tooth loss may affect ability to carry out everyday tasks"

 

Recomendado pelos leitores

Complicações após terapia com implante dentário são comuns
ARTIGOS

Complicações após terapia com implante dentário são comuns

LER MAIS

Complicações orais provocadas pelo Vírus do Papiloma Humano (HIV)
ARTIGOS

Complicações orais provocadas pelo Vírus do Papiloma Humano (HIV)

LER MAIS

Pessoas com periodontite podem ter duas vezes mais probabilidades de serem hipertensos
ARTIGOS

Pessoas com periodontite podem ter duas vezes mais probabilidades de serem hipertensos

LER MAIS

Translate:

OJD 87 SETEMBRO 2021

OJD 87 SETEMBRO 2021

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.