O JornalDentistry em 2020-12-10

ARTIGOS

Aumento do uso de antibióticos em medicina dentária, durante o confinamento na Inglaterra

Estudo mostra aumento dramático nos antibióticos prescritos para pacientes de medicina dentária na Inglaterra durante o confinamento COVID-19 no início deste ano

Uma das consequências não intencionais dos confinamentos  COVID-19 na Inglaterra no início deste ano foi um aumento de 25% na prescrição de antibióticos por médicos dentistas, de acordo com um novo estudo publicado pelo British Dental Journal (BDJ). As taxas de prescrição mais altas foram  em Londres, com um aumento de 60 por cento no mesmo período, e os menores aumentos, menos de 10 por cento, ocorreram no sudoeste da Inglaterra.

A resistência aos antibióticos (ABR) é um problema global que representa uma ameaça significativa à saúde e à riqueza, devido a doenças prolongadas, hospitalizações mais longas e aumento da mortalidade. A Organização Mundial da Saúde (OMS) destacou a urgência de lidar com a ABR, incluindo-a nas cinco plataformas para saúde e bem-estar globais. 

A ABR é um problema que afeta a todos e precisa ser enfrentado com urgência. Se a ABR continuar a aumentar, estima-se que as infeções resistentes aos medicamentos serão a causa número um de morte em todo o mundo nos próximos 30 anos.

A Semana Mundial de Conscientização Antimicrobiana  é realizada anualmente pela OMS  de 18 a 24 de novembro.

Os antibióticos não curam a dor de dente. A maioria das infeções dentárias pode ser tratada por meio de um procedimento dentário para remover a fonte da infeção, sem a necessidade de antibióticos. Em tempos normais, planos de tratamento apenas com antibióticos raramente são apropriados. O uso desnecessário de antibióticos estimula o desenvolvimento e a disseminação de infeções resistentes.

“Os antibióticos são drogas que salvam vidas; quando as pessoas realmente precisam deles,”, disse a Dra. Wendy Thompson, autora do estudo do British Dental Journal, académica clínica em medicina dentária na Universidade de Manchester e membro do Grupo de Trabalho ABR do World Dental Federation (FDI).

“As infeções que são resistentes aos antibióticos representam um sério risco para a segurança do paciente - razão pela qual o grande aumento na prescrição de antibióticos em medicina dentária (mais de 25% nos três meses de abril a junho) é uma grande preocupação. Após anos de tendência de queda, o acesso restrito a consultas dentárias devido ao COVID-19 impulsionou esse aumento repentino. Devemos evitar que isso aconteça novamente se houver necessidade de novos confinamentos no  Reino Unido. 

“Vivemos tempos especialmente desafiadores. Os pacientes que aguardam acesso aos cuidados geralmente recebem mais antibióticos do que os pacientes que recebem o tratamento correto imediatamente. À medida que a prestação de atendimento em medicina dentária  voltar a um  “novo normal” na era COVID-19, é importante garantir o acesso a urgente e de alta qualidade e otimizar o uso de antibióticos. ”

 

‘Pandemia de câmera lenta’

Reconhecendo a urgência da situação, a FDI lançou hoje o seu Livro Branco, o papel essencial da equipe de medicina dentária na redução da resistência aos antibióticos, que é apoiado por uma biblioteca online de recursos e acompanhado por um curso massivo online aberto  (MOOC). O documento é um passo importante no reconhecimento de que os médicos dentistas em todo o mundo devem ser reconhecidos por seu papel na prevenção e tratamento de infeções dentárias e capacitados para otimizar a  prescrição de antibióticos.

“Estamos a enfrentar uma pandemia em câmera lenta e é necessária uma ação coletiva urgente  para desacelerá-la”, disse o Dr. Gerhard K. Seeberger, presidente da FDI.

“No futuro, a profissão de médico dentista tem a responsabilidade clara de se envolver,  comprometer-se e contribuir com os esforços globais, nacionais e locais para combater a resistência aos antibióticos.”

 

Sobre a FDI - World Dental Federation: 

A FDI é o principal órgão representativo de mais de um milhão de médicos dentistas em todo o mundo, com uma visão de liderar o mundo para uma saúde oral ideal. Os seus membros incluem cerca de 200 associações nacionais e grupos especializados em mais de 130 países. www.fdiworlddental.org

Sobre a GSK: 

A GSK é uma empresa global de saúde com liderança científica com um propósito especial: ajudar as pessoas a fazer mais, sentirem-se melhor e viver mais. A GSK forneceu assistência financeira para o desenvolvimento da biblioteca online de recursos que apoia o White Paper do FDI e o MOOC.


 

Recomendado pelos leitores

Medicina Dentária e o COVID-19: Análise de engenharia oferece diretrizes para reduzir a exposição
ARTIGOS

Medicina Dentária e o COVID-19: Análise de engenharia oferece diretrizes para reduzir a exposição

LER MAIS

A incrível  variabilidade ​​ de bactérias que vivem na boca
ARTIGOS

A incrível variabilidade ​​ de bactérias que vivem na boca

LER MAIS

Pesquisa sobre a ligação entre as doenças  gengivais e doenças renais
ARTIGOS

Pesquisa sobre a ligação entre as doenças gengivais e doenças renais

LER MAIS

Translate:

OJD 80 JANEIRO 2021

OJD 80 JANEIRO  2021

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.