O JornalDentistry em 2019-12-29

ARTIGOS

Como fazer parar o cancro de se esconder das células imunológicas

O sistema imunológico já é nossa melhor defesa contra o cancro, mas às vezes precisa de ajuda. Afinal, o cancro tem um talento especial para enganá-lo e esconder-se das células imunológicas, obtendo tempo para crescer e espalhar-se.

 

Pesquisadores do QIMR Berghofer Medical Research Institute, na Austrália, identificaram uma maneira de fazê-lo e encontraram um método para combatê-lo em testes com ratos.

As células T e NK agem como os soldados de infantaria do sistema imunológico, procurando no corpo os patógenos invasores e atacando-os. Mas a  sua atividade pode ser regulada por outras células imunológicas, como as células T invariantes associadas à mucosa (células MAIT), que informam para atacar ou para se imobilizar.

Durante o novo estudo, os pesquisadores da QIMR descobriram que, se as células MAIT fossem ativadas, impediriam as células T e NK de atacar as células dos tumores. As  células tumorais parecem ter descoberto isso também - a equipe descobriu que as células cancerígenas ativam frequentemente as células MAIT, exibindo moléculas chamadas MR1 ​​na sua membrana.

"O cancro está efetivamente a criar o seu próprio mecanismo de defesa para evitar ataques imunológicos e sobreviver", diz Michele Teng, pesquisadora sénior do estudo. “A exibição do MR1 ativa as células MAIT, que, por sua vez, desativam as células T e NK no combate ao cancro. Embora se saiba que outras células reguladoras do sistema imunológico impedem as células T e NK de matar células tumorais,  foi a primeira vez que se demonstrou que o MR1 (proteína reguladoras do MAIT) podem fazer esse trabalho. "

A compreensão desse mecanismo pode levar a novos tratamentos de imunoterapia. A equipe testou a idéia em ratos, dando aos animais anticorpos que bloqueiam o MR1. Com certeza, isso impediu que as células MAIT se ligassem,  aumentou o poder de ataque das células T e NK e, finalmente, diminuir o crescimento e a propagação do cancro.

"Este trabalho demonstra que os anticorpos que bloqueiam o MR1 podem, no futuro, ser uma nova imunoterapia eficaz", diz Teng. "Provavelmente não funcionará em todos os tipos de cancro, mas parece que pode ser eficaz no tratamento de cancros que podem exibir a molécula MR1. Isso também significa que essa exibição do MR1 poderia ser usada para rastrear quais  os pacientes que responderiam a essa imunoterapia. ”

A equipe diz que o próximo passo é tentar replicar os resultados em seres humanos, começando por determinar quais os tipos de tumores humanos que usam MR1.

 

Fonte: Oral Cancer Foundation/New Atlas

"Immunotherapy study shows how to stop cancer hiding from immune cells"

Recomendado pelos leitores

A ligação entre stresse, ansiedade e saúde oral
ARTIGOS

A ligação entre stresse, ansiedade e saúde oral

LER MAIS

Diabetes não detetados  e periodontite podem duplicar o risco de ataque cardíaco
ARTIGOS

Diabetes não detetados e periodontite podem duplicar o risco de ataque cardíaco

LER MAIS

Um novo método de tratamento dentário? Ativação de células-estaminais
ARTIGOS

Um novo método de tratamento dentário? Ativação de células-estaminais

LER MAIS

Translate:

OJD 68 DEZEMBRO 2019

OJD 68 DEZEMBRO 2019

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.