O JornalDentistry em 2021-8-17

ARTIGOS

Estratégias de mitigação dentária para reduzir a aerossolização da SARS-CoV-2

A limitação da transmissão de infeções é fulcral para a segurança de todos na medicina dentária, particularmente durante a atual pandemia SARS-CoV-2.

No entanto muitos procedimentos dentários geram inevitavelmente aerossóis. No estudo "Dental Mitigation Strategies to Reduce Aerosolization of SARS-CoV-2," ", publicado no JDR, investigadores da Universidade de Leeds, no Reino Unido usaram um modelo de cabeça para imitar procedimentos dentários numa abordagem multifacetada destinada para medir a dispersão de aerossóis numa intervenção dentária e determinar o potencial de diferentes estratégias de mitigação para reduzir o risco de infeção para a equipa dentária.

Num cenário de intervenção dentária, foram realizados procedimentos de preparação da coroa e de acesso ao canal radicular com uma turbina de ar ou peça manual contra-ângulo de alta velocidade (HSCAH) operada com arrefecimento da água, com mitigação através de barragem de borracha ou aspiração de grande volume e sem controlo de mitigação. Uma cabeça modelo foi usada com um fluxo de saliva artificial infetada com Φ6-bacteriófago, um vírus substituto do SARS-CoV-2. A dispersão de bioaerosol foi medida com o hospedeiro Φ6-bacteriófago As concentrações virais de ar foram avaliadas por amostragem ativa do ar, e o tamanho e as quantidades de partículas foram monitorizados utilizando contadores de partículas óticas.

Os níveis de bioaerosol foram claramente diminuídos quando se utiliza o HSCAH em comparação com a turbina de ar. A utilização de barragens de borracha ou evacuação de grande volume também foram eficazes na redução dos bioaerossóis e dos salpicos.

Embora este modelo represente um dos piores  cenários  para uma possível dispersão SARS-CoV-2, estes dados mostraram que a utilização de HSCAHs ou outras estratégias de mitigação pode reduzir consideravelmente o risco de aerossolização viral, e sugere que não é necessário um tempo prolongado de pousio da clínica.

Os dados  descritos apresentam uma imagem clara de como o risco de SARS-CoV-2 e riscos biológicos semelhantes podem ser muito atenuados usando estratégias de mitigação, incluindo HSCAHs.

 

Fonte: MedicalXpress

Artigo original MXP 

 

Recomendado pelos leitores

Estudar a ligação entre a doença das gengivas e a doença de Alzheimer
ARTIGOS

Estudar a ligação entre a doença das gengivas e a doença de Alzheimer

LER MAIS

Próteses dentárias de um único molar projetadas por IA
ARTIGOS

Próteses dentárias de um único molar projetadas por IA

LER MAIS

Cancro Oral – Não só para fumadores
ARTIGOS

Cancro Oral – Não só para fumadores

LER MAIS

Translate:

OJD 97 JULHO 2022

OJD 97 JULHO 2022

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.