O JornalDentistry em 2019-8-20

ARTIGOS

O stresse e a ansiedade nem sempre são maus

As pessoas geralmente pensam em stresse e ansiedade como conceitos negativos, mas enquanto o stresse e a ansiedade podem atingir níveis pouco saudáveis, os psicólogos há muito que sabem que ambos são inevitáveis ​​- e que muitas vezes desempenham um papel útil, não prejudicial, na nossa vida diária.

“Muitas pessoas  sentem-se  stressadas ​​ ​​e ansiosas. Infelizmente, quando alguém procura ajuda, o stresse e  a ansiedade já foram atingiram níveis preocupante”, disse Lisa Damour, PhD. psicóloga na apresentação na convenção anual da American Psychological Association. Damour também escreve uma coluna regular para o The New York Times e é autor do livro "Under Pressure: Confronting the Epidemic of Stress and Anxiety in Girls."

O stresse geralmente ocorre quando as pessoas operam no limite de suas capacidades - quando se empurram ou são forçadas pelas circunstâncias a se estender além dos seus limites familiares, de acordo com Damour. Também é importante entender que o stresse pode resultar de bons  ou maus eventos . Por exemplo, ser demitido é stressante, mas também o pode ser  trazer um bebé para casa pela primeira vez.

De acordo com Samour é importante que os psicólogos compartilhem o conhecimento sobre o stresse com grandes audiências: o stresse é um dado na vida diária, que trabalhar no limite das nossas capacidades e geralmente constrói essas capacidades, os níveis moderados de stresse podem ter uma função de inoculação, para uma resiliência superior à média quando estamos diante de novas dificuldades. 

 

Ansiedade também recebe desnecessariamente um rótulo de ruim, segundo Damour. 

"Como todos os psicólogos sabem, a ansiedade é um sistema de alarme interno, provavelmente transmitido pela evolução, que nos alerta para ameaças externas - como um motorista desviando de uma faixa próxima - e internas - como quando procrastinámos muito tempo e é hora de começar o nosso trabalho ", disse Damour. 

Ver a ansiedade como às vezes útil e protetora permite que as pessoas façam bom uso dela. Por exemplo, muitas vezes diz aos adolescentes com quem ela trabalha em sua prática para prestar atenção se eles começam a sentir-se ansiosos numa festa porque os seus nervos podem estar alertando-os para um problema. 

"Da mesma forma, se uma paciente compartilha que está preocupada com um próximo teste para o qual ela ainda não estudou, sou rápida a tranquilizá-la, pois está a ter a reação certa e que se sentirá melhor assim que pegar nos livros”. 

Isso não significa que o stresse e a ansiedade não possam ser prejudiciais. O stresse pode tornar-se prejudicial se for crónico (não permitindo a possibilidade de recuperação) ou se for traumático (psicologicamente catastrófico).

Noutras palavras, o stresse causa danos quando excede qualquer nível que uma pessoa possa razoavelmente absorver ou usar para construir força psicológica. Da mesma forma, a ansiedade torna-se nociva quando o alarme não faz sentido. Às vezes, as pessoas sentem-se rotineiramente ansiosas sem motivo algum. Em outros momentos, o alarme é totalmente desproporcional à ameaça, como quando um aluno tem um ataque de pânico, ao fazer um exame fácil". 

O stresse e a ansiedade não tratados podem causar sofrimento persistente, mas também podem contribuir para uma série de sintomas psicológicos e médicos adicionais, como depressão ou aumento do risco de doença cardiovascular.”Qualquer um que se sinta sobrecarregado pelo stresse deve, se possível, tomar medidas para reduzir seu stresse e / ou procurar ajuda de um profissional treinado para aprender estratégias de gerenciamento do stresse. Para o controle da ansiedade, algumas pessoas encontram alívio através de livros que as ajudam a avaliar e desafiar seus próprios pensamentos irracionais. Se essa abordagem não for bem sucedida, ou preferida, um profissional treinado deve ser consultado. Nos últimos anos, técnicas de mindfulness também surgiram como uma abordagem eficaz para lidar com o stresse e a ansiedade". 

Damour também instou os psicólogos a assumirem um papel ativo no fornecimento de contra mensagens para o que ela chamou de "a indústria da felicidade", ou aquelas empresas de bem-estar que estão a vender a ideia de que as pessoas devem sentir-se calmas e relaxadas a maior parte do tempo. 

"Os psicólogos são bons em adotar uma abordagem mais ponderada para pensar sobre a experiência humana. Queremos apoiar o bem-estar, mas não definimos o nível de sermos felizes quase o tempo todo. Essa é uma ideia perigosa porque é desnecessária e inatingível". "Se tem a impressão de que deve estar sempre feliz, a sua experiência do dia-a-dia pode acabar por tornar-se muito desagradável”.

Fonte: American Psychological Association / ScienceDaily

Artigo ScienceDaily: "Why stress and anxiety aren't always bad"http://www.sciencedaily.com/releases/2019/08/190810151933.htm

 

Recomendado pelos leitores

Pessoas com periodontite têm maior probabilidade de terem hipertensão
ARTIGOS

Pessoas com periodontite têm maior probabilidade de terem hipertensão

LER MAIS

A vacina contra o VPH reduz os riscos de cancro oral em homens VIH positivos?
ARTIGOS

A vacina contra o VPH reduz os riscos de cancro oral em homens VIH positivos?

LER MAIS

Os refrigerantes são o elo crucial entre a obesidade e o desgaste dos dentes
ARTIGOS

Os refrigerantes são o elo crucial entre a obesidade e o desgaste dos dentes

LER MAIS

Translate:

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.