O JornalDentistry em 2018-2-21

ARTIGOS

A nanotecnologia poderá redefinir a cirurgia oral

Uma consulta de medicina dentária geralmente infunde uma sensação de receio na maioria dos pacientes, e isso antes do exame começa. Adicionando a isso o medo dos procedimentos com uma recuperação dolorosa, e algumas pessoas evitarão essas consultas.

Um grupo de investigadores  da ACS Nano (American Chemical Society) reportou um estudo pré-clínico  mostrando que poderiam potencialmente reduzir a dor e o tempo de recuperação com a ajuda de nanotecnologia especializada.

Todos os anos, 5 milhões de pessoas passam por procedimentos ortodônticos nos EUA, de acordo com a American Association of Orthodontists.

Em alguns casos, o desalinhamento dos dentes é  de tal forma que é necessário recorrer à cirurgia para cortar as fibras de colagénio sob as gengivas antes de colocar os aparelhos ortodônticos. Muitas vezes os pacientes não se submetem ao procedimento porque é invasivo e pode ser doloroso. Os investigadoress recorreram recentemente às nanotecnologias para  direcionar a terapêutica para locais específicos. Por exemplo, estudos anteriores mostraram algum sucesso no uso de lipossomas, que são vesículas vazias em nano escala, para a aplicação de medicamentos. Esses lipossomas poderiam potencialmente aplicar enzimas de colagenase para remodelar as fibras de ligação dos dentes ao osso na boca sem intervenção cirúrgica. Até agora, o fornecimento de enzimas com lipossomas era um desafio. Avi Schroeder e os colegas queriam desenvolver  lipossomas que pudessem fornecer enzimas de colagenase para realizar nano cirurgia direcionada na boca.

A equipe desenvolveu nanopartículas lipossomicas que continham colagenase e realizaram testes em ratos. Quando os lipossomas foram colocados sob as gengivas, a colagenase difundiu-se para fora das partículas e foi ativada pelo cálcio naturalmente encontrado na boca. A colagenase enfraqueceu as fibras de colagénio, facilitando o deslocamento dos dentes com o aparelho ortodôntico. Em comparação com a cirurgia convencional, o tratamento com colagenase ajudou a mover os dentes três vezes mais rápido. Todos os ratos perderam algum peso após a intervenção, tal como costuma acontecer com os os humanos. Mas, ao contrário dos outros ratos, não tratados com colagenase,  rapidamente recuperaram o peso normal saudável, significando que não estavam com dores. 

A investigação foi financiada pelos European Research Council, Israel Ministry of Science Technology and Space, Israel Ministry of Economy, Israel Science Foundation, Israel Cancer Association, German-Israeli Foundation for Scientific Research and Development, European Union e pela Mallat Family Foundation. 

 

Fonte: American Chemical Society /ScienceDaily

Artigo original ScienceDaily:Nanotechnology could redefine oral surgery”

 

Autores: Assaf Zinger, Omer Adir Matan Alper, Assaf Simon, Maria Poley, Chen Tzror, Zvi Yaari, Majd Krayem, Shira Kasten, Guy Nawy, Avishai Herman, Yael Nir, Sharon Akrish, Tidhar Klein, Janna Shainsky-Roitman, Dov Hershkovitz , Avi Schroeder. 

 

Estudo: “Proteolytic Nanoparticles Replace a Surgical Blade by Controllably Remodeling the Oral Connective Tissue” ACS Nano, 2018

Recomendado pelos leitores

Anti-inflamatórios não opiódes são mais eficazes eficazes na dor de dente
ARTIGOS

Anti-inflamatórios não opiódes são mais eficazes eficazes na dor de dente

LER MAIS

Saúde oral infantil na Europa - Investigação epidemiológica de crianças de 5 e 12 anos de oito países da UE.
ARTIGOS

Saúde oral infantil na Europa - Investigação epidemiológica de crianças de 5 e 12 anos de oito países da UE.

LER MAIS

Combate às bactérias nos alinhadores e retentores dentais
ARTIGOS

Combate às bactérias nos alinhadores e retentores dentais

LER MAIS

Translate:

OJD 52 JUNHO de 2018

OJD 52 JUNHO de 2018

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.