O JornalDentistry em 2019-6-30

ARTIGOS

Criação de perfil metabolómico como resposta a anticorpos patógenos periodontais

Na 97ª General Session & Exhibition of the International Association for Dental Research (IADR), realizada em conjunto com a 48th Annual Meeting da American Association for Dental Research (AADR) e a 43rd Annual Meeting of the Canadian Association for Dental Research (CADR) Jaakko Leskela, da Universidade de Helsinki, Finlândia, fez uma apresentação oral sobre “Criação de perfil metabolómico como resposta a anticorpos patógenos periodontais".

P. gingivalis e A. actinomycetemcomitans

A Sessão Geral e Exposição IADR / AADR / CADR foi realizada no Centro Oeste de Convenções de Vancouver, em Vancouver, BC, Canadá, de 19 a 22 de junho de 2019.

A detecção de anticorpos periodontopatogénicos em circulação indica exposição a patógenos periodontais. A inflamação, tal como presente na doença periodontal, demonstrou modificar o metabolismo e a composição das lipoproteínas. Neste estudo, Leskela e co-autores investigaram a associação entre os níveis séricos de anticorpos periodontopatogénicos e vários níveis de metabólitos.

A população do estudo consistiu de 2.398 indivíduos, cujos níveis de anticorpos séricos contra P. gingivalis e A. actinomycetemcomitans foram determinados por ELISA multissetorial. A plataforma de Ressonância Magnética Nuclear (RMN) - metabolómica determinou um total de 68 variáveis ​​metabólicas, incluindo partículas de lipoproteínas, ácidos gordos, aminoácidos, substratos metabólicos, glicoproteínas e corpos cetónicos. Os níveis de anticorpos IgG de P. gingivalis foram associados negativamente com Apolipoproteína A-I, colesterol ligado a HDL e especialmente colesterol ligado a partículas de HDL maiores. Houve associação negativa nos níveis de anticorpos IgA de P. gingivalis com colesterol total sérico e IgG de A. actinomycetemcomitans.

Os autores concluíram que a exposição aos principais patógenos periodontais, P. gingivalis e A. actinomycetemcomitans, está associada a um perfil de lipoproteínas pró-aterogénicas, especialmente baixos níveis de lipoproteína de alta densidade. Esses resultados estão de acordo com investigações anteriores, nos quais a doença periodontal se associa a doenças aterogénicas.

Fonte: Medical X press 

Autor: International & American Associations for Dental Research

Artigo originalMedical X press: “Metabolomic profiling of antibody response to periodontal pathogens”

Recomendado pelos leitores

Cancros causados pelo HPV respondem melhor ao tratamento - Estudo ajuda a explicar porquê
ARTIGOS

Cancros causados pelo HPV respondem melhor ao tratamento - Estudo ajuda a explicar porquê

LER MAIS

Infodemia, o novo vírus letal que afeta toda a economia
ARTIGOS

Infodemia, o novo vírus letal que afeta toda a economia

LER MAIS

Translate:

OJD70 FEVEREIRO 2020

OJD70 FEVEREIRO 2020

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.