JornalDentistry em 2024-2-09

ARTIGOS

Novo tratamento da mucosite oral: Terapia antibacteriana ativada pela luz

Pesquisas recentes sugerem que a terapia antibacteriana de luz dupla pode ser um método eficaz para controlar os sintomas da mucosite oral.

A mucosite oral, ocorre frequentemente em associação com tratamentos contra o cancro, particularmente radiação e quimioterapia. Manifesta-se como dor intensa, vermelhidão e inchaço na boca, potencialmente impactando o sucesso da terapia contra o cancro. Até à data, nenhum medicamento existente preveniu eficazmente o desenvolvimento de mucosite. Pesquisas recentes sugerem que a terapia antibacteriana com luz dupla pode ser um método eficaz para controlar os sintomas dessa condição.
Tradicionais para tratar a mucosite oral incluem medidas preventivas, como manter uma boa higiene oral e usar terapia com gelo durante a quimioterapia. Se a infeção bacteriana estiver presente, os médicos podem considerar o uso de antibióticos. Os corticosteroides também são uma opção de tratamento para aliviar a dor e a resposta inflamatória associada à mucosite. No entanto, o uso de corticosteroides apresenta riscos, pois pode suprimir o sistema imunológico, tornando os pacientes oncológicos mais suscetíveis a infeções.
A investigação em curso explora novos métodos para prevenir e tratar a mucosite oral. A terapia com luz vermelha estimulante das mitocôndrias provou ser muito eficaz no tratamento da mucosite oral, particularmente como medida preventiva. Embora se estime que a fototerapia seja a modalidade de tratamento mais eficaz, sua ampla implementação enfrenta desafios como disponibilidade e questões práticas
Os estudos mais recentes investigam tratamentos antibacterianos para tratar preventivamente úlceras da mucosa oral originadas de mucosite, com o objetivo de mitigar os efeitos adversos de tratamentos oncológicos agressivos.
Em sua tese de bacharelado da Faculdade de Medicina da Universidade de Helsinque, "Mucosite Oral – Luz Dupla Antibacteriana no Tratamento da Mucosite Oral", a estudante de medicina Jessica Hentilä explora os efeitos da terapia fotodinâmica antibacteriana (aPDT) e da luz azul antibacteriana (aBL) como tratamentos locais em úlceras de mucosite
A pesquisa de Hentilä avalia a eficácia da terapia de luz dupla contra Streptococcus oralis, uma bactéria comum no microbioma oral. O estudo indica que a luz dupla antibacteriana, uma combinação de aPDT e aBL, não só ataca eficazmente as infeções estreptocócicas encontradas em úlceras induzidas por mucosite, mas simultaneamente fornece terapia com luz vermelha.
De acordo com o Dr. Tommi Pätilä, orientador da tese no projeto de Hentilä e especialista em cirurgia pediátrica de transplante cardíaco e de órgãos, a redução da carga bacteriana oral na boca promove a cicatrização de feridas mucosas, reduzindo simultaneamente o risco de complicações de infeção local e sistêmica comuns em pacientes com cancro. Esta é uma adição importante à terapia convencional com luz vermelha.
Melhorar a qualidade de vida dos pacientes
A mucosite oral é um efeito colateral prevalente em pacientes com cancro submetidos a quimioterapia, radioterapia ou quimioterapia combinada. A sua fisiopatologia decorre da capacidade dos tratamentos oncológicos de inibir células em rápida divisão, presentes não apenas nos tecidos cancerígenos, mas também na mucosa oral.
O professor Waltimo sugere que a terapia antibacteriana de luz dupla poderia potencialmente servir como uma medida preventiva para apoiar a saúde oral de pacientes com cancro antes do início dos tratamentos oncológicos.
Observações preliminares sugerem que a terapia antibacteriana de luz dupla, como a Lumoral (ainda não disponível nos EUA), pode ser uma ferramenta importante no arsenal para o tratamento da mucosite oral. Estudos de confirmação serão criados para investigar mais profundamente a eficácia da nova abordagem, e o Dr. Waltimo diz que um novo estudo de tese de doutorado começará na University of Helsinki na primavera de 2024.
 
 
Fonte: Oral Cancer Foundation (OCF)
Foto:Unsplash/CCO Public Domain

Recomendado pelos leitores

Novo método de obtenção de dados para imagens de tomografia computadorizada de feixe cónico de alta resolução
ARTIGOS

Novo método de obtenção de dados para imagens de tomografia computadorizada de feixe cónico de alta resolução

LER MAIS

ADA — Nova diretriz detalha estratégias de controle da dor dentária para pacientes pediátricos
ARTIGOS

ADA — Nova diretriz detalha estratégias de controle da dor dentária para pacientes pediátricos

LER MAIS

Bactérias orais ligadas à sobrevivência da fibrose pulmonar
ARTIGOS

Bactérias orais ligadas à sobrevivência da fibrose pulmonar

LER MAIS

Translate:

OJD 114 FEVEREIRO 2024

OJD 114  FEVEREIRO 2024

VER EDIÇÕES ANTERIORES

O nosso website usa cookies para garantir uma melhor experiência de utilização.